CM 

Demora propositada

Porque será que não se concluem os concursos de promoção?

Na semana passada, foi rejeitada uma proposta de lei que pretendia enquadrar a Saúde e Segurança no Trabalho para os profissionais da PSP.

Alguns deputados, nomeadamente os do partido que suporta o governo, consideraram que já existem na PSP as medidas que esta legislação pretendia colocar em prática, sendo por isso desnecessária. Disseram mesmo que na PSP já estavam implementados procedimentos para garantir a medicina preventiva.

Obviamente, os polícias, com estupefação, questionaram-se se os deputados que o afirmaram estavam a falar da PSP ou de uma polícia de outro país qualquer. É que utilizar o desconhecimento ou a verba envolvida já não é argumento que justifique tudo. Por exemplo, qual será o argumento para a administração da PSP não concluir os concursos abertos há meses, já que neste momento não são necessárias verbas e todos os envolvidos neste processo conhecem bem os procedimentos? Será que é a falta de efetivo?

Os dirigentes da ASPP/PSP disponibilizam-se desde já, voluntariamente, para ajudar o departamento da PSP nesse trabalho, da sua exclusiva responsabilidade. É que, além estranho, começa a existir a dúvida se esta demora não será propositada.

 

 Paulo Rodrigues, Presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia